Buscar
  • lucimar875

Você está preparado para ser sincero?



Você já ouviu o termo Ambiente Psicológico seguro? Pode ser que não. Deixa eu te contar.

Vamos começar em 2011, quando dois pesquisadores americanos especializados em Oriente Médio, puderam analisar como em 60 anos Israel conseguiu um milagre econômico por meio da sua capacidade de criar empresas inovadoras. A "fórmula do sucesso" israelense é narrada no livro “Nação empreendedora: O milagre econômico de Israel e o que ele nos ensina”(Dan Senor e Saul Singer).

Em 2012, o Google fez uma pesquisa interna, como parte de um projeto chamado Aristóteles, cujo objetivo era identificar o que diferenciava as equipes de alta e média performance e o que era essencial para a produtividade de cada uma. Em ambos os exemplos, a constatação foi a mesma: O que torna um país, uma Instituição de qualquer natureza, ou mesmo um grupo de pessoas mais produtivo, engajado, inovador é a ausência do MEDO, logo a CONFIANÇA. A liberdade e a naturalidade para criticar, expor ideias mesmo que divergentes, dizer o que pensa, trazer sugestões e dúvidas, é o que caracteriza um ambiente psicologicamente seguro.

Daí, eu te pergunto você está preparade para conviver e fomentar este tipo de ambiente? Você está preparade para a sinceridade, a autenticidade sua e dos demais? Pensa aí e me deixa saber.

Nestas pesquisas, os resultados trouxeram a confirmação: as equipes que mais entregam são as que mais possuem liberdade para conversas francas. Nas palavras dos autores “O surgimento de um ambiente franco, sem hipocrisias corporativas, capaz de gerar inovação precisa de líderes e subordinados que saibam fazer e receber críticas de forma assertiva e impessoal”. E relatam ainda que “um ambiente em que as pessoas estão constantemente com medo de serem reprovadas ou demitidas com base em critérios algumas vezes subjetivos e pessoais impede que as equipes se arrisquem questionando-se uns ou outros e ainda menos seus líderes hierárquicos

Para arrematar a história, em 2011, a autora Amy C. Edmondson, professora de liderança e gerenciamento na Harvard Business School, torna-se conhecida por seu trabalho pioneiro em segurança psicológica, destacando-se pelo ranking global de pensadores de gestão Thinkers50, em vários anos seguidos. Amy, escreveu, entre outros, o livro “A organização sem medo. Criando segurança psicológica no local de trabalho para aprendizado, inovação e crescimento”


Então, já sabemos que a segurança psicológica favorece a confiança e a ausência de medo necessárias para que as equipes possam se sentir à vontade para criticar, debater e trazer a tona pontos divergentes que contribuem e favorecem a inovação, a inclusão de pensamentos diversos, a cooperação e a melhoria de processos e produtos.

Mas, quais são os pilares da segurança psicológica?

O projeto Aristóteles investigou quatro dimensões da segurança psicológica: Segurança para se expressar, para interagir, para aprender e para pertencer.



Agora, me conta aqui como você, líderes, áreas de Gestão de Pessoas podem criar e fomentar este tipo de ambiente, tornando a organização um lugar mais seguro e inovador para trabalhar? Você se sente pronte para ser sincere? Você está pronto para trabalhar em ambientes psicologicamente seguro?

Se este conteúdo fez sentido para você, me sinaliza que continuaremos a debater sobre este tema.

*aderimos a linguagem neutra que substitui os artigos masculinos(o) e femininos (a) pelo neutro (e) em respeito a diversidade de gênero.


2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo